Notícias

Capivara: mães dedicadas até debaixo d’água

A homenageada da semana é a Capivara, mães dedicadas que transmitem aos filhos tudo o que precisam para se virar bem sozinhos. Foto: Bart van Dorp

Duda Menegassi ·
31 de agosto de 2012 · 11 anos atrás
Na foto desta semana, ((o))eco homenageia a capivara (Hydrochoerus hydrochaeris), o maior roedor do mundo, que pesa até 80 quilos. Seu peso é mantido à base de uma dieta herbívora voraz, com 3 a 4 quilos de vegetação ingeridos ao longo do dia. Vivem nas margens dos rios e regiões pantanosas e inundáveis. Além do Brasil, também é encontrada na Colômbia, Venezuela e Paraguai. É um animal terrestre que faz da água sua segunda casa, onde se reproduz e se refugia dos predadores. Suas excelentes habilidades dentro d’água fazem com que consiga dormir submersa apenas com seu focinho do lado de fora. Sua gestação dura entre 120 e 140 dias e a fêmea amamenta os filhotes nos primeiros 4 meses de vida. Nascem de 2 a 6 filhotes por ninhada. São mães dedicadas e transmitem aos filhos tudo o que precisam para se virar bem sozinhos. Foto: Bart van Dorp

 

 
 

  • Duda Menegassi

    Jornalista ambiental especializada em unidades de conservação, montanhismo e divulgação científica.

Leia também

Notícias
23 de fevereiro de 2024

Pouco mais de mil espécies representam metade das árvores tropicais do planeta, aponta estudo

Publicada na revista Nature, estimativa é de que 2,24% das espécies arbóreas da Amazônia, África e Sudeste Asiático correspondam a 50% dos 800 bilhões de árvores do bioma tropical

Notícias
22 de fevereiro de 2024

CEEE Equatorial terá que isolar fios da rede elétrica para proteger bugios, decide Justiça

Juiz acatou pedido do MP e concessionária de energia que atua na Região Metropolitana de Porto Alegre (RS) terá que adequar o serviço para evitar morte de bugios

Notícias
22 de fevereiro de 2024

ICMBio convoca sociedade para analisar propostas de novas UCs

Ao todo, foram analisadas 219 propostas de criação ou ampliação de unidades de conservação em todos os biomas do país. Maior parte delas na zona costeira e marinha

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.