Salada Verde

Presidente do Ibama se licencia e pode pedir demissão

Curt Trennepohl deixará cargo para cuidar da saúde. Exoneração deve ser oficializada nos próximos dias. Não há Informação sobre substituto.

Daniele Bragança ·
20 de abril de 2012 · 10 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
Segundo jornal carioca, problemas de saúde motivariam saída do presidente do Ibama, Curt Trennepohl (Acima).  Foto: Renato Araújo/ABr
Segundo jornal carioca, problemas de saúde motivariam saída do presidente do Ibama, Curt Trennepohl (Acima). Foto: Renato Araújo/ABr

Depois da exoneração “a pedido” do presidente do ICMBio, Rômulo Melo, mais uma autarquia poderá mudar seu presidente. Segundo informações divulgadas ontem pelo jornal O Globo, o presidente do Ibama, Curt Trennepohl, deverá pedir afastamento do cargo para cuidar da saúde. Ele está licenciado do Instituto por conta de problemas cardíacos. Ainda não há informações sobre quem poderá substitui-lo.

Curt Trennepohl está no cargo desde fevereiro de 2011. Entrou no lugar de Abelardo Bayma, que pediu demissão logo no começo do governo Dilma, por não concordar em dar a licença para Belo Monte. Assumiu um mês depois de o órgão conceder a polêmica licença parcial, mas sua gestão foi marcada pela usina. Sob seu comando, Belo Monte recebeu a licença de instalação definitiva.

Com um currículo bastante técnico, Curt Trennepohl – que é advogado – está no Ibama desde 1990. Ocupou diversos cargos no órgão, tais como: Chefe do Parque Nacional da Serra dos Órgãos, em Teresópolis; Superintendente no Rio de Janeiro; Chefe da Procuradoria Federal especializada em Santa Catarina e Alagoas. Foi também corregedor-chefe e subprocurador nacional do Ibama.

 

  • Daniele Bragança

    É repórter especializada na cobertura de legislação e política ambiental. Formada em jornalismo pela Universidade do Estado d...

Leia também

Notícias
20 de maio de 2022

Alto custo é principal barreira para visitação de parques

De acordo com estudo, alto custo da viagem, distância e falta de informações disponíveis são os principais obstáculos para visitação de parques naturais

Notícias
20 de maio de 2022

Presidenciáveis recebem plano para reverter boiadas ambientais de Bolsonaro

Estratégia ‘Brasil 2045’ propõe medidas para reconstruir política ambiental brasileira e fazer país retomar posição de liderança global em meio ambiente

Análises
20 de maio de 2022

O dilema de Koniam-Bebê

Ocupação indígena no Parque Estadual Cunhambebe realimenta falsa dicotomia entre unidades de conservação e territórios indígenas

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Comentários 1

  1. Cássio Garcez diz:

    Brilhante análise, Beto. Parabéns e obrigado por ela.