Notícias

A terrível beleza das tempestades de areia

Vistas do espaço, as tempestades de areia são fenômenos de grande beleza, mas ser atingido por uma é algo bastante assustador.

Redação ((o))eco ·
29 de abril de 2012 · 12 anos atrás

Vistas do espaço, as tempestades de areia são fenômenos de grande beleza, mas ser atingido por uma é algo bastante assustador, como pode afirmar o cinegrafista na National Geographic Bob Poole. Durante as filmagens de um documentário sobre a migração de elefantes no Mali, na África, Poole viu uma imensa parede de vento e poeira vindo em sua direção. Por quatro horas a areia bloqueou o sol e fez a paisagem africana se parecer com a superfície de Marte.

Uma tempestades de areia ocorre quando a umidade relativa do ar é mais baixa que 80%, permitindo a suspensão de partículas em sua maioria sólidas mas não aquosas pelo ar. São mais freqüentes em regiões com grande quantidade de areia e baixa umidade, como desertos. Nas fotos a seguir, divulgadas pelo Observatório da Terra da NASA, podemos apreciar em segurança esses incríveis fenômenos em diversas partes do planeta.

 

Leia também

Notícias
23 de fevereiro de 2024

Antas “avisam” pesquisadores sobre contaminação humana por agrotóxicos no MS

Além de agrotóxicos como glifosato, moradores do sudeste do estado também apresentaram altos índices de metais no corpo. Antas atuaram como sentinelas

Notícias
23 de fevereiro de 2024

Pouco mais de mil espécies representam metade das árvores tropicais do planeta, aponta estudo

Publicada na revista Nature, estimativa é de que 2,24% das espécies arbóreas da Amazônia, África e Sudeste Asiático correspondam a 50% dos 800 bilhões de árvores do bioma tropical

Notícias
22 de fevereiro de 2024

CEEE Equatorial terá que isolar fios da rede elétrica para proteger bugios, decide Justiça

Juiz acatou pedido do MP e concessionária de energia que atua na Região Metropolitana de Porto Alegre (RS) terá que adequar o serviço para evitar morte de bugios

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.