Notícias

Plataforma virtual pode facilitar compartilhamento de táxis

Dupla cria sistema que facilita a vida de quem quer rachar táxi. Para sair do papel, projeto precisa de cinco mil cadastrados até dia 15.

Daniel Santini ·
11 de dezembro de 2012 · 12 anos atrás

Uma plataforma virtual desenvolvida por Helder Ribeiro, 28 anos, e Murilo Pereira, 24 anos, promete facilitar a vida de quem costuma dividir táxis ao desembarcar no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo. Além de ser uma alternativa econômica – o aeroporto é afastado e as corridas até o centro da capital costumam custar mais de R$ 100 – compartilhar o carro é também uma forma de queimar menos combustível, o que faz da iniciativa uma alternativa de menor impacto ambiental.

Táxis no Aeroporto de Guarulhos. (Foto: Reprodução/MeLeva.com)
Táxis no Aeroporto de Guarulhos. (Foto: Reprodução/MeLeva.com)

Batizado de Me Leva, o projeto precisa de 5 mil cadastrados para sair do papel, número considerado mínimo pelos organizadores para o compartilhamento funcionar. Até esta terça-feira, dia 11, eles haviam conseguido praticamente a metade da meta. O funcionamento é simples. Quem está no sistema informa a data e horário em que pretende pegar um táxi no aeroporto e recebe informações de outros interessados em rachar o preço no mesmo trajeto.

A partir daí é só combinar com a pessoa. “A parte financeira, inicialmente, vai funcionar como de costume para quem racha no gogó: cada um paga 50% do caminho em comum, e quem for ficar por último paga a parte do trajeto que fizer sozinho. Não tem garantia de que a outra pessoa vai pagar (como não tem garantia combinando pessoalmente) mas, para isso ficar mais transparente, vamos ter um sistema de avaliação mútua entre usuários, onde você pode avaliar a pontualidade e a honestidade da pessoa. Aí quem der mancada vai se prejudicar”, explica Helder Ribeiro. Para se cadastrar, basta acessar o site MeLeva.com. Além de respostas para as principais dúvidas sobre o projeto, a página traz um vídeo com explicações detalhadas.

  • Daniel Santini

    Responsável pela plataforma ((o)) eco Data. Especialista em jornalismo internacional, foi um dos organizadores da expedição c...

Leia também

Notícias
25 de junho de 2024

Queimadas já atingiram mais de 600 mil hectares no Pantanal

Área queimada em 2024 é 143% maior do que o registrado em 2020, quando um terço do bioma foi devastado. Incêndios devem ultrapassar 2 milhões de hectares este ano

Salada Verde
25 de junho de 2024

Florestas de todos

Plataforma governamental reúne informações sobre um dos (ainda) maiores remanescentes planetários de vegetação nativa

Reportagens
25 de junho de 2024

Dinastia Amazônia – Parte II

China se alastra por infraestrutura brasileira e impõe seu modelo de “civilização ecológica” de crescimento

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.