Notícias

Ciclistas sinalizam rota para bicicletas na Avenida Paulista

Ciclistas não identificados pintaram bicicletas amarelas no asfalto na Avenida Paulista, na última sexta-feira, dia 27.

Redação ((o))eco ·
30 de maio de 2011 · 11 anos atrás
Ciclistas não identificados pintaram bicicletas amarelas no asfalto na Avenida Paulista, na última sexta-feira, dia 27. A sinalização foi improvisada na segunda faixa da pista, no sentido Vila Mariana. A instalação de avisos e placas indicando o compartilhamento do espaço entre carros e bicicletas na região é uma reivindicação antiga de diversos grupos de ciclistas de São Paulo.

 

A reportagem de ((o)) eco Bicicletas tentou ouvir a Companhia de Engenharia de Tráfego sobre a iniciativa, mas até a tarde desta terça-feira, dia 30, ninguém havia se manifestado. Em entrevistas recentes, o secretário municipal de Transportes Marcelo Branco já defendeu o compartilhamento de vias na cidade, apesar de ressaltar que os mecanismos para facilitar a convivência entre diferentes meios de transporte devem ser implementados gradualmente. Em diversos países, o compartilhamento é considerado uma ferramenta importante para acalmar o trânsito e, desta forma, diminuir o número de acidentes.

Apesar da ausência de sinalização oficial, a circulação de ciclistas na avenida em questão é intensa. Em setembro de 2010 a Associação de Ciclistas Urbanos de São Paulo (Ciclocidade) realizou levantamento técnico fotográfico e, em 14 horas, registrou a passagem de 733 ciclistas, uma média de 52 ciclistas por hora. No estudo, que pode ser acessado a partir deste link, o grupo ressalta a necessidade instalação de “infraestrutura oficial para a bicicleta (sinalização vertical e/ou horizontal que definitivamente institucionalize – e alerte aos outros veículos sobre – a circulação deste modal em nossa cidade).”

Além de ser rota de ligação entre diferentes pontos da cidade, a Avenida Paulista também abriga a Praça do Ciclista, importante ponto de encontro para quem pedala na cidade. A avenida é a mesma em que, em janeiro de 2009, a ciclista Márcia Prado foi atropelada e morta em uma disputa por espaço com um ônibus. Até hoje, mais de dois anos após o acidente e mesmo com a circulação constante de bicicletas, nenhuma sinalização oficial foi instalada indicando o compartilhamento das vias ou orientando os ciclistas sobre onde pedalar.

As fotos das bicicletas sendo pintadas na Avenida Paulista que ilustram esta reportagem foram enviadas por um leitor de ((o)) eco Bicicletas.

Leia também

Notícias
6 de julho de 2022

Coalizão pelo Pampa publica carta aberta em defesa do bioma e alerta para ameaças

O documento lista dez diretrizes e ações para uso sustentável e conservação do Pampa e chama atenção para ameaças e destruição acelerada nos últimos anos

Notícias
6 de julho de 2022

Governador de Roraima sanciona lei que proíbe destruição de equipamentos do garimpo ilegal

Ministério Público afirma que lei é inconstitucional e pede que seja julgada no STF. Autor da proposta na Assembleia é defensor declarado do garimpo

Notícias
6 de julho de 2022

Governador do MT veta projeto que barrava construção de usinas no Rio Cuiabá

Considerado uma das principais veias de abastecimento do Pantanal, o curso d'água é alvo de um complexo de seis pequenas centrais hidrelétricas. Parlamentares organizam reversão do veto

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta