Notícias

Sob protestos, tarifas de ônibus aumentam em todo o país

Prefeitos de cidades aproveitaram a virada do ano para aumentar as tarifas. População reage com manifestações e pressiona poder público contra mudanças

Redação ((o))eco ·
11 de janeiro de 2012 · 12 anos atrás

Como acontece todo ano, boa parte dos prefeitos brasileiros aproveitaram as férias escolares e o período de recesso, em que as cidades estão mais vazias, para anunciar aumentos nas tarifas do transporte público. Quando esse texto foi escrito, a última atualização da tabela da Associação Nacional de Transportes Públicos com os valores cobrados nos principais municípios do país era de outubro de 2011 e ainda não retratava os aumentos efetivados. Levantamento baseado em jornais regionais, porém, permite perceber mudanças em todo o país. Houve aumento em Campina Grande (PB), Catanduva (SP), João Pessoa (PB), Joinville (SC), Vitória (ES), Ribeirão Pires (SP), Teresina (PI) e Uberaba (MG). Fala-se em “reajuste” em São José do Rio Preto (SP) e Curitiba (PR). Na região

Contexto
As redes sociais (
#contraoaumento) ajudaram na troca de informações e na mobilização; mesmo com as cidades mais vazias os manifestantes, muitos deles estudantes, conseguiram organizar mobilizações e pressionar o poder público. A dimensão da revolta e o sucesso da mobilização contra o aumento não se limitam a troca de mensagens pela internet; ela tem um contexto e pode ser mais bem compreendido com base em dados de pesquisas divulgadas em 2011, que indicam uma desigualdade que se agrava ano após ano.

Colaborou a jornalista Gisele Brito, sempre atenta para questões relativas a transporte público. As imagens desta página foram feitas pelo cartunista mexicano Angel Boligan, e estão em exposição no fantástico site Irancartoons.com.

Leia também

Reportagens
21 de maio de 2024

Crise climática e lacunas no conhecimento pioram risco de zoonoses

Enchentes no Rio Grande do Sul têm um aspecto epidemiológico importante, chamando atenção para o fato de sabermos muito pouco sobre os riscos reais de zoonoses no Brasil

Notícias
21 de maio de 2024

Países liberam rios para salvar peixes migradores

Declínio chega a 91% na América Latina, mas Brasil quer barrar ainda mais cursos d’água, sobretudo na Amazônia e no Cerrado

Notícias
21 de maio de 2024

Degradação florestal na Amazônia é a maior dos últimos 15 anos

Queimadas em Roraima foram responsáveis pelo número. Desmatamento, por sua vez, continua em queda no bioma, mostra SAD, do Imazon

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.