Download PDF
ONGs e empresas juntas na abertura do Fórum Amazônia Sustentável. O governo não veio. Foto: Divulgação

ONGs e empresas juntas na abertura do Fórum Amazônia Sustentável. O governo não veio. Foto: Divulgação

Veja no mapa abaixo o desmatamento dentro do TIPNIS. Use o mouse para ler as informações. Gerado pelo Infoamazonia (Saiba mais)

O interesse brasileiro é consolidar corredores de exportação com saída pelo pacífico, o que facilitaria a distribuição de commodities ao seu principal cliente: a China. Nas palavras da coordenadora do encontro, Adriana Ramos, do Instituto Socioambiental, mais do que nunca “a Amazônia é colocada como provedora mundial de recursos naturais sem retornos para seus habitantes.” O pesquisador do Imazon Beto Veríssimo reforçou o alerta ao mencionar um cálculo de que, nos próximos anos, R$ 500 bilhões em investimentos em projetos de hidrelétricas, estradas, mineração e petróleo estão previstos na região. “A Amazônia está entrando em uma nova fase, que não sabemos como será”, enfatizou.

 

Leia mais
Fórum Amazônia Sustentável quer romper fronteiras entre países
Depois de anos de desmate, população da Amazônia ainda vive na pobreza